” A Verdade vos libertará” 2a Parte

 

Para encerrar nossos vídeos do período de férias, apresento uma das 12 partes do documentário ” zeightgeist ” disponível integralmente no youtube. Caso se interesse poderá vê-lo na íntegra. Nesse trecho que apresento, mostra que a ” boa nova”  nem foi tão nova assim, e a história que ouvimos nas aulas de religião, ou no curso da primeira comunhão estava longe de ser algo inédito. Foi apenas uma repetição de fórmulas antigas. Isso não tira os méritos do mito de Jesus, mas nunca é demais sabermos um pouco da verdade. São dez minutos e talvez nem de tempo de comer a pipoca…

Na próxima semana voltamos com novos artigos.

 

 

Imagem de Amostra do You Tube

4 Comentários

  1. Cláudio Cesar de Lima   •  

    Não lhe parece, professor, muito revelador? Até mesmo o dilúvio é citado com as mesmas características milhares de anos antes do acontecido na época de Noé. Muitos relatos me intrigam desde pequeno e jamais pude pensar que fosse como queriam que fosse, criando datas, milagres, imprecisões referente a datas, etc. O próprio Gênesis é uma cópia barata de escritos milenares que, por sua vez já eram cópias de outros. Tendo mais a acreditar em civilizações que “plantaram” as informações, tornando-as verdades passadas de discípulo a discípulo, mesmo que deturpadas, algumas floreadas ou mesmo inexistentes. No entanto, como pensar em “sonho” a narrativa de Ezequiel às margens do rio; como não suspeitar da destruição de Sodoma e Gomorra, sem pensar em algo como uma arma muito letal ( já que acho desnecessário o uso de força por um deus) e não nos levar a pensar que isso sempre acontece, da mesma forma, com os mesmos métodos? Não seria hora de pensarmos em civilizações muito, muito mais adiantadas e que fazem tudo certo, na hora certa e sabem muito bem o que estão fazendo desde os primórdios? Deus seria, então, um mero pensamento, algo inexistente até mesmo para os “criadores”. Portanto, o correto é afirmar que nessa concepção deus é uma ilusão que as pessoas perseguem como última esperança em outra vida, uma vida melhor. Seria, assim, melhor pensar em reencarnação; é muito mais óbvio, mais sensato e aí sim, teríamos um Deus que sequer sabe que existimos. Passei muito dos limites, me perdoe. Mas, e se eu estiver certo? A terra não era redonda?

    • Eduardo O. Carvalho   •     Author

      Claudio, em primeiro lugar grato pelos comentários! Essas indagações que vc traz são pertinentes. Penso que o Deus cristão pode estar com seus dias contados por aqui como já acontece em outros lugares. Essa “desilusão” é boa porque nos faz refletir. Há quem diga que o que acontecerá depois da morte é aquilo que acreditávamos quando vivos…será???
      Como não saberemos algumas respostas mesmo, porque não relaxar?

  2. Luiz   •  

    Seria muito interessante que os produtores dos videos colocassem as fontes de suas afirmações.
    Luiz.

    • Eduardo O. Carvalho   •     Author

      Luiz, existem também vídeos contestando tudo que foi dito nesse que coloquei. A questão é somente darmos uma pensada, afinal, questionar faz bem a saúde…
      Grato pelo comentário!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *